.: Bancários aprovam participação nas mobilizações da Greve Geral

Os bancários de Piracicaba vão se somar às demais categorias de trabalhadores em todo o país e participar das mobilizações da Greve Geral do dia 14 contra a reforma da Previdência e os cortes da Educação que onera somente os trabalhadores e prejudica os mais pobres. A decisão foi tomada na assembleia geral da categoria realizada pelo Sindicato na noite desta segunda-feira (10), na sede da entidade.

 “A principal bandeira dos trabalhadores nesta greve é contra a reforma da Previdência do que saqueia nossos direitos e entrega aos banqueiros, é claro que junto com esse debate estaremos tratando do Corte de gastos da Educação, e em outros, como a defesa dos bancos públicos”, comenta o presidente do Sindicato, José Antonio Fernandes Paiva.

Diante da importância do movimento tanto para a classe trabalhadora como para a sociedade em geral, o Sindicato tem representantes no Comitê Regional que organiza as mobilizações em Piracicaba. De acordo com o dirigente Sindical, João Possebon Neto, o sindicato como entidade de grande representatividade estará ativamente presente nas manifestações. “Hoje eu, juntamente os dirigentes, Claudio Fasanaro, João Eloy e Francisco Baldo, estamos atuando junto com o Comitê em Piracicaba, em uma plenária alinhamos que na sexta-feira (14) teríamos uma grande concentração no Terminal Central de Integração com passeatas e atos pôr toda a cidade”, conclui.

De acordo com Paiva, é muito importante buscar o diálogo com a população diante deste tema. “Nós precisamos conscientizar e abrir os olhos dos nossos trabalhadores, para que eles conheçam realmente a proposta e entendam que ela não é o melhor para o país, e não é a única solução que existe, por exemplo os títulos da dívida pública e o perdão da dívida dos grandes bancos. Então nós não precisamos retirar dos mais pobres para salvar o país”, comenta.  

A greve geral é uma continuação das manifestações que ocorrem em todo o país contra a política de austeridade que tem piora a vida no Brasil. No dia 22 de março, foi realizado o ato do Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência. Em 15 e 30 de maio, milhões de estudantes, professores e trabalhadores ocuparam as ruas em defesa da educação.

Bruna Togni - MTB 81055/SP

.: Veja Mais

Vídeos do Sindicato

Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente
Reportar erro!
X
Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo.
O link da notícia será enviado automaticamente




Captcha:
Menu
Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente