.: Prorrogado o acordo aditivo do Santander

Em negociação no último dia 29, o Santander prorrogou o acordo aditivo fechado no ano passado, que expirou no dia 31 de agosto. As cláusulas estabelecidas continuam valendo até o dia 30 de setembro, quando a expectativa é de que um novo acordo seja assinado.


Na primeira rodada de negociações, foi entregue a minuta com as reivindicações específicas, elaborada a partir do Encontro Nacional que reuniu cerca de 160 funcionários. O Santander é o único banco privado que no ano passado assinou um aditivo à convenção coletiva.

Os bancários querem manter as conquistas, como o intervalo de 15 minutos dentro da jornada de seis horas, a isenção de tarifas para funcionários e aposentados, e o direito a dois dias de licença por ano para a internação de filho menor, além dos termos de compromisso com a manutenção da Cabesp e do Banesprev. Os trabalhadores também buscam a volta de direitos, como a estabilidade pré-aposentadoria de 36 meses para os homens com 25 anos de banco e para as mulheres com 21 anos de banco, a licença remunerada opcional de um ano antes da aposentadoria (pijama) e o abono-assiduidade de cinco dias por ano.

Outro objetivo será a luta por novas conquistas, como um plano de cargos e salários que corrija as distorções existentes, o fim do assédio moral e das metas abusivas, o adiantamento para despesas de transporte e alimentação, o reajuste do quilômetro rodado, o empréstimo de férias em dez meses sem juros para todos os funcionários, e o auxílio-educação.

Youtube

Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente
Reportar erro!
X
Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo.
O link da notícia será enviado automaticamente




Captcha:
Menu
Enviar e-mail para amigo
X



Captcha:
O link da notícia será enviado automaticamente